De vez em quando me sinto obrigado a chamar a atenção para vitórias de brasileiros que ninguém repara. E que me desculpem os atletas, mas acho que feitos como o desse pessoal deveriam ter o mesmo destaque que as olimpíadas ou a copa, de preferência mais. Sete brasileiros se classificaram na maior feira de ciências do mundo, o que significa que ainda não somos campeões, mas já aparecemos entre os top 10.  Um outro detalhe que me deixou feliz foi saber que eles não são exatamente um caso isolado. Ainda que seja menos conhecido do que deveria. Esses jovens foram classificados anteriormente em feiras de ciências nacionais no Rio Grande do Sul e São Paulo. Parabéns aos dois estados por manterem essa iniciativa e principalmente aos nossos 7 jovens brasileiros.

E qual o impacto economico dessas feiras? Afinal, imagino que o número de patentes geradas é ínfimo. Mas o de inspiração e motivação para outros estudantes pode ser imenso, se o fato for bem-aproveitado. Por exemplo, em Southampton a Universidade estava envolvida com o projeto desenvolvimento de um carro ultra-rápido. Numa entrevista, um dos engenheiros do projeto disse que um dos objetivos de um trabalho desse tipo não é apenas o desenvolvimento da tecnologia em si, mas inspirar futuras gerações de engenheiros, como demonstrado pelo monte de crianças de ensino fundamental que estava vendo o carro. Ele mesmo disse ter sido inspirado por um trabalho parecido quando criança.

Por outro lado, imagine o que acontece com nossos garbosos e premiados estudantes no final do evento? Recebem convites de universidades e empresas americanas para continuarem por lá. Estarão errados os gringos? Claro que não, mas é triste ver que nem governo, nem empresas (para não ficar no choramingo de sempre) se movem para manter nossos talentos. O que mostra que ainda temos muita estrada a percorrer.

Inclusive, para orgulho do funcionário, temos um programa de jovens talentos aqui no trabalho, onde o pessoal pode apresentar suas propostas. Para muitos é o primeiro trabalho acadêmico que vão fazer e um gosto do que os espera no futuro. O evento já está na quinta edição.

fonte: Plano Brasil e G1

Anúncios